Cuidados indispensáveis para dar fim ao cabelo loiro ressecado

Seu cabelo loiro perdeu o brilho, vida e saúde, e está mais ressecado do que o habitual? Este é, inclusive, um dos maiores medos de quem faz coloração no cabelo: nos primeiros dias tudo fica muito bem e lindo, até que chega o momento em que os fios exigem cuidados específicos. 

O loiro é o visual que nunca sai de moda e que ganha cada vez mais adeptos. Mas, por outro lado, não é raro encontrar fios extremamente ressecados e pessoas insatisfeitas com o visual após algumas semanas da coloração. 

O que muitos se esquecem é que um cabelo descolorido tem características e necessidades que o cabelo natural não tinha. E claaaaro que, por isso, ele precisa de cuidados diferentes.

Se o seu cabelo está totalmente sem vida e você não sabe nem por onde começar, vem que no caminho a gente te explica! 

Por que seus fios estão ressecados?

Acreditamos muito que para cortar pela raiz algo que não queremos mais, primeiro precisamos entender o que nos causa aquele mal-estar. Só assim será possível tirar aqueles hábitos que não fazem nem um pouco bem para a saúde do nosso cabelitcho. 

Antes de tudo, tenha em mente a diferença entre cabelo seco e ressecado. Muitas vezes, o seco é caracterizado por fatores genéticos e aponta para uma raiz que produz uma oleosidade quase que inexistente. Já o ressecado é consequência de fatores externos. Conheça alguns deles: 

Agentes externos, como sol, cloro, água salgada e poluição;

• Uso excessivo de ferramentas de calor, como secador e chapinha;

Procedimentos químicos muito invasivos, como a coloração, e poucos cuidados;

Negligência de uma rotina com cronograma capilar;

Utilização de produtos inapropriados e não desenvolvidos para as novas necessidades do seu cabelo, que agora é loiro;

Achar que para ter um cabelo loiro deslumbrante basta colorir. É preciso se lembrar diariamente que os fios necessitam de seus cuidados;

O seu cabelo loiro merece saúde!

Os fios ressecados incomodam tanto que são frequentemente comparados à uma palha. Parece que não há creme, esforço ou tratamento que faça o milagre acontecer, né? 

Calma que você não sairá da conversa de hoje sem saber por onde começar a retomar a vida dos seus tão amados fios:

Dica 1) Utilize produtos específicos 

Para quem tem cabelo loiro, um dos erros que mais causa sofrimento aos fios é aquele hábito de pegar o shampoo mais barato do mercado ou o primeiro que vir na prateleira do mercado. Seus fios ficam chorando e te implorando para que você não faça isso com eles, afinal, eles sabem o quanto shampoos não indicados e cremes de hidratação que não tratam para além da camada externa trazem de malefícios para eles.

O seu loiro precisa de shampoos matizadores, para reavivar a tonalidade escolhida por você (e não amarelar),

 e de uma máscara de tratamento que vai direto na ferida da fibra capilar. 

Dica 2) Proteja o seu cabelo 

Esse hábito de fazermos tudo o que queremos sem ao menos considerarmos as consequências precisa ser deixado no passado. 

Quanto mais exposto ao sol, ao cloro e à chapinha, mais ressecado os fios ficarão. Por isso, para o sol, há o protetor térmico; para o cloro, a possibilidade de não mergulhar a cabeça na piscina ou lavar a cabeça com o shampoo matizador assim que sair; para a chapinha, a possibilidade de reduzir a intensidade do uso.

Dica 3) Aproxime-se do seu cabelo

Para dar fim ao ressecamento, será preciso ter um relacionamento bem mais próximo e intenso com os seus fios. Com isso queremos dizer que o seu cronograma capilar também precisará ser intenso. Intensifique a etapa de reconstrução, para restabelecer a sua fibra capilar que grita neste momento, e bora retomar a vida de seus fios. Separe 3 dias na semana e faça assim (vai ver como será um sucesso):

1ª semana: hidrataçãonutriçãoreconstrução

2ª semana: nutriçãohidrataçãonutrição

3ª semana: hidrataçãonutriçãoreconstrução

4ª semana: hidrataçãohidrataçãonutrição 

Dica 4) Água nem sempre faz bem

No sol, conseguimos proteger os fios utilizando um protetor térmico. Mas, durante o banho, isso não é possível – e altas temperaturas são grandes inimigas de cabelos ressecados. Portanto, é preciso reduzir a temperatura, para que fique mais morninha, se quiser mandar o ressecamento para longe.

Dica 5) Não se esqueça das pontasAs pontinhas precisam de atenção redobrada justamente porque ficam ressecadas em dobro e ainda dão aquele aspecto de palha. Aqui é o momento que você precisa ter um óleo cauterizador ao seu lado para nutrir, selar, hidratar e proteger as pontinhas.

“Meu querido cabelo loiro, você é tão lindo e eu preciso tanto que você esteja bem. Por isso, a partir de hoje vou iniciar e intensificar os meus cuidados com você para que possamos dar fim ao ressecamento e trazer mais alegria para a sua saúde”

Garanta os produtos específicos para as necessidades do seu loiro clicando aqui.

Com carinho, 

Clorofitum. 

You May Also Like

Horta em apartamento é um sonho possível! Veja o passo a passo

Manual de como escolher um bom cabeleireiro e não cair em pegadinhas

Transição para o grisalho: dicas para se amar na nova fase

Guia do autocuidado: 9 rituais simples para fazer em casa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *