Como fazer co-wash? Conheça a técnica do condicionador que mais faz sucesso

Sabe aquela música da Carmen Miranda chamada “O que é que a baiana tem?”? Se trouxéssemos a letra para a nossa realidade, cantaríamos: o que é que o condicionador tem? E a resposta seria: não são poucos os benefícios, já que “como fazer co-wash” é uma pesquisa muito frequente do buscador Google.

Condicionador tem vida, tem hidratação, tem poder de fechar as cutículas, deixar o cabelo sedoso e brilhoso… “e tem graça como ninguém”, assim como uma boa baiana.

Em linhas gerais, esta é uma técnica para cabelos que dispensa o uso de shampoos e investe toda a transformação em condicionadores. A ideia é que seja uma forma de utilizar menos componentes químicos que possam prejudicar o couro cabeludo e, consequentemente, a saúde capilar.

Agora você deve estar pensando: ok, mas funciona para o meu cabelo?

Te explicamos tudo neste artigo 😊

O que de fato é e para que serve esta técnica?

Co-wash surgiu com a explosão do sulfato na indústria da beleza. O sulfato, presente na composição química de grande parte de shampoos que não pensam na saúde capilar a longo prazo, promove uma limpeza tão profunda que leva embora até nutrientes e vitaminas importantes.

Foi pensando nisto e em um cenário com cada vez mais adeptos à sustentabilidade e produtos mais naturais, que a técnica co-wash surgiu e tornou possível que fios viçosos e saudáveis transparecessem mesmo dispensando o uso do shampoo em algumas lavagens.

Com o tempo, o cabelo se torna menos ressecado e o couro cabeludo mais fértil, natural e cheio de vida.

Como fazer co-wash no meu cabelo?

Antes de começar seu processo, faça uma lavagem com um shampoo antirresíduo para retirar toda e qualquer impureza, e substâncias acumuladas nos fios. Após isso, o próximo passo é começar a sua co-wash.

Se o seu cabelo for muuuito ressecado, pode fazer a técnica em todas as lavagens. Mas, se já tiver um pouquinho a mais de óleo, o ideal é ir intercalando com a lavagem que utiliza shampoo.

Vamos ao passo a passo:

  • Molhe o cabelo com água morna;
  • Com o cabelo úmido, passe o condicionador no cabelo todo (principalmente na raiz) como se fosse um shampoo;
  • Massageie bastante o couro cabeludo com a ponta dos dedos para ativar a circulação sanguínea e dar uma ajudinha a mais na limpeza;
  • Faça o mesmo com o restante do comprimento: massageie bem delicadamente;
  • Deixe agir por cerca de 15 minutos;
  • Retire todo e qualquer excesso do produto com água na temperatura morna para fria.

Indicamos que comece fazendo esta técnica – ou “revolução capilar”, como também é conhecida -, de maneira constante e com firmeza até perceber resultados satisfatórios. Após esse tempo, pode ir intercalando com lavagens que utilizem shampoo, ok?

Ela funciona para mim?

Para qualquer tipo de cabelo há maneiras de como fazer co-wash, mas os resultados são mais perceptíveis em cabelos bem ressecados, como a maioria dos crespos e cacheados, ou nos fios que passaram por algum procedimento químico.

A utilização de componentes mais leves, preserva a oleosidade e hidratação naturais do cabelo e deixa os fios mais próximos à sua curvatura real.

E sabe qual é o melhor de tudo isso? Até a quantidade de frizz diminui drasticamente.

IMPORTANTE: Agora, é importante ressaltar que não recomendamos a técnica para cabelos bem oleosos, couros cabeludos que transpiram bastante e para quem já tem histórico de irritações ou doenças como saborreia.

Como escolher o melhor condicionador?

Para escolher o melhor condicionador, basta dar uma pesquisadinha antes e olhar o rótulo do produto: se em sua composição não conter agentes muito pesados, como parafina, petrolatos, silicones insolúveis e óleos minerais, e tiver um que auxilia na limpeza do couro cabeludo e dos fios, já é uma opção das fortes.

Para isto, opte pelas opções no e low poo  – já que possuem baixíssima ou nenhuma quantidade de componentes pesados.

Calma, calma, calma! Aí vai a dica final!

Não há condicionador que faça um trabalho completinho sem uma mão amiga. Com a ajuda da Máscara Zero Poo, da mesma linha, não tem como seu cabelo não esbanjar hidratação e nutrição intensiva. 

 

Agora que você já tem todas as respostas, nos diga: está animada para garantir mais resultados com esta técnica dos deuses?

Na hora de aprender como fazer co-wash, o mais importante é entender que se trata de uma técnica que valoriza componentes mais leves para tratar de cabelos que precisam de uma hidratação mais intensa.

Demais, né? Amamos quando podemos dar dicas preciosas aqui no blog.Garanta já seus produtinhos e co-wash neles!

 

Com carinho,

Clorofitum.

You May Also Like

Tons de loiro: como escolher o tom que mais combina com você

Cabelo colorido: o que a cor do seu cabelo diz sobre você?

Cabelo envelhece? Saiba o que fazer com os sinais do envelhecimento

Cabelo oleoso demais? Aprenda jeitos fáceis de disfarçá-los!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *